Dicas para potencializar

O seu aprendizado

Nossos cursos regulares estão começando! Então, que tal dar uma olhada nessas 3 dicas para potencializar o seu processo de aprendizagem no idioma? Vem com a gente! 😃

Seja um/a aprendiz ativo/a!

Para aprender qualquer coisa, é super importante se envolver ativamente com o processo. O psiquiatra William Glasser defende que aprendemos cerca de 10% lendo, mas cerca de  70% discutindo com outras pessoas e 80% praticando. Por isso, participe das aulas e interaja com colegas e professor/a – tanto através da fala quanto da escrita. 

Aulas gravadas e vídeos no Youtube podem ser interessantes, mas certamente não substituem as aulas síncronas, justamente por não permitirem a (inter)ação. Tente, então, organizar seus horários para estar sempre presente nas aulas ao vivo.

Não tenha medo de errar!

A gente sabe que errar é inevitável, mas não é necessariamente confortável. Segundo o filósofo K. Popper, “ninguém está isento de cometer enganos; a grande coisa é aprender com eles”. O educador Paulo Freire propõe que o erro seja considerado por educadores/as como uma “forma provisória de saber”. No Abraço, acreditamos que esta é a melhor maneira de encará-lo e convidamos você a fazer o mesmo.

Por isso, seja gentil com seus erros e com os dos colegas. Saia da sua zona de conforto e entre na zona de aprendizagem: tente, erre, reflita sobre o erro e aprenda com ele! 

Mergulhe na cultura!

A comunicação em línguas estrangeiras passa pela estrutura da língua – mas não se limita à ela. Língua é cultura e, quanto mais repertório você tiver, mais chances você terá de dominar os diversos códigos e referências usadas por falantes do idioma.

Se engana quem pensa que viajar é a única maneira de mergulhar em novas culturas. Para conhecer a realidade além dos estereótipos, afaste-se daquilo que a autora Chimamanda Adichie chama de “perigo da história única”. Veja filmes produzidos por países que você não conhece, leia livros de autores/as de nacionalidades diferentes, descubra novas sonoridades através das nossas playlists no Spotify, explore gastronomias diversas (mesmo que seja fazendo as receitas), participe das aulas culturais e escute as histórias do/e seu/sua professor/a. 

Tem alguma outra ideia? Compartilhe com a gente nos comentários!
Gostou do conteúdo? Fique ligado/a nas nossas redes para conferir todas as novidades!

Carolina Vieira, Coordenadora Pedagógica do Abraço RJ