diretrizes metodológicas

Somos uma instituição que atua no ensino de idiomas e culturas. Oferecemos cursos de árabe, espanhol, francês e inglês e experiências culturais a partir de referências do Sul global. Através da educação, promovemos a integração de pessoas em situação de refúgio e migrantes vulneráveis, que passam por formações iniciais e continuadas e se tornam professores/as dos nossos cursos. Nascemos em São Paulo em 2015 e chegamos ao Rio de Janeiro em 2016.

As aulas e o material dos cursos de idiomas são elaborados com base na abordagem comunicativa. Nessa abordagem, a língua é analisada como um conjunto de eventos comunicativos vistos através de atos de fala com diferentes graus de complexidade sintática e com diversos níveis de formalidade de acordo com o contexto. As atividades propostas no processo de ensino-aprendizagem visam ao desenvolvimento constante das quatro habilidades comunicativas:

Nessa abordagem, os conteúdos estruturais – gramática, léxico e pronúncia – são trabalhados de maneira contextualizada e através de atividades práticas. Para além dos exercícios de verificação e consolidação estrutural, a abordagem comunicativa valoriza as atividades de produção, nas quais os elementos estruturais servem à comunicação ativa, escrita ou falada.

Formação de docentes

Uma das atividades mais importantes e cruciais para o funcionamento e a consolidação da instituição é o de formação inicial e continuada de docentes de experiências de aprendizagem em idiomas e culturas. Nossos facilitadores e facilitadoras são pessoas em situação de refúgio de países como Congo, Cuba, Haiti, Uganda, Palestina, Venezuela e Síria. A equipe pedagógica de cada unidade realiza o treinamento e o acompanhamento contínuo das demandas de educação dos cursos, dialogando constantemente com docentes e discentes.

Perspectiva Cultural

Além do aprendizado de uma língua, queremos compartilhar culturas! Nas aulas, buscamos aproveitar toda a bagagem cultural dos e das docentes. Como acreditamos que a língua e cultura estão sempre ligadas, tentamos mostrar referências e perspectivas do Sul global, de onde vêm os e as docentes. A abordagem comunicativa e a seleção de conteúdos é, então, atravessada pela perspectiva intercultural e decolonial, buscando não apenas aumentar o repertório, mas também que estudantes possam (re)conhecer suas identidades, decolonizar seu olhar e, principalmente, experimentar novas possibilidades de ser e de estar no mundo.

Material próprio

Para cada módulo, há uma apostila elaborada pela equipe pedagógica. Ter um material próprio é desafiador, mas nos permite compartilhar referências culturais não-hegemônicas e comumente não encontradas em métodos do mercado. Para além das questões culturais, os conteúdos que compõem os módulos (e, consequentemente, as apostilas) foram pensados e desenhados com base no Quadro Europeu Comum de Referência para Línguas (QECR). Assim, garantimos um padrão de referência internacional e a equivalência com os conteúdos de exames de proficiência.

Divisão de módulos

No Abraço Cultural, oferecemos cursos de árabe*, espanhol, francês e inglês. A duração de cada um varia em função do idioma, do ritmo de estudos e dos objetivos de cada estudante. Em função do idioma, do ritmo de estudos e dos objetivos de cada estudante, a duração do curso pode apresentar variações

Os módulos do curso foram criados a partir das descrições do Quadro Europeu Comum de Referência (QECR), seguindo a padronização internacional que fornece uma base comum para programas de línguas, manuais e exames de proficiência. Assim, nosso curso foi pensado para que cada módulo forneça ao(à) estudante tudo aquilo que precisa aprender, linguística e culturalmente, para ser capaz de se comunicar.

Desta forma, garantimos a padronização dos módulos e facilitamos o caminho de pessoas que pretendem obter um diploma de proficiência em língua estrangeira. Nesse referencial, os adjetivos básico, intermediário e avançado, comumente usados para classificar o domínio do idioma, são substituídos por elementar, independente e de proficiência seguindo níveis progressivos: A1 e A2 (utilizador elementar); B1 e B2 (utilizador independente); C1 e C2 (utilizador proficiente)

No Abraço, neste momento, oferecemos cursos dos níveis A1, A2 e B1.

A1

O(a) aluno(a) pode entender e utilizar expressões familiares do dia a dia, bem como frases básicas direcionadas a satisfazer necessidades concretas. Pode se apresentar e responder perguntas sobre detalhes de sua vida pessoal como, por exemplo: onde vive, pessoas que conhece ou coisas que possui. Pode ainda interagir de maneira simples com nativos desde que estes falem pausadamente, de maneira clara e que estejam dispostos a ajudar.

A2

O(a) aluno(a) pode entender frases e expressões relacionadas às áreas familiares ao usuário, como informações pessoais e familiares básicas, compras, geografia local, emprego, entre outros.
Pode se comunicar de maneira simples em situações familiares que requerem troca de informações curtas e precisas.
Pode descrever de maneira superficial aspectos sobre seus conhecimentos, ambiente onde vive e necessidades imediatas.

B1

O(a) aluno(a) pode entender os pontos principais sobre os assuntos do dia a dia como trabalho, escola e lazer. Pode lidar com situações cotidianas no país onde a língua é falada (viagem de turismo).
Pode produzir textos simples sobre áreas familiares e de seu interesse. Pode ainda descrever experiências, eventos, sonhos, desejos, vontades e também ambições. Além disso pode ainda dar sua opinião de maneira limitada sobre planos e discussões.

Atualmente, os(as) estudantes do Abraço Cultural podem fazer os cursos dos níveis A1, A2 e B1, com planos de expansão até o nível B2. Veja, na tabela abaixo, a estrutura dos cursos oferecidos atualmente:

*O curso de árabe segue parâmetros um pouco diferentes daqueles dos outros idiomas. Os primeiros 3 módulos têm como principal objetivo a sensibilização e a descoberta da cultura e do alfabeto árabe, e a comunicação depende do português como língua de apoio. Nos módulos 4 e 5, o uso do português é menos frequente e o desenvolvimento das habilidades orais é bastante valorizado. Em todos os 5 módulos, as culturas dos países árabes têm lugar privilegiado.

Referências:
Para Quadro Europeu Comum de Referência, clique aqui.
Para exames de proficiência de espanhol, clique aqui.
Para exames de proficiência de francês, clique aqui.
Para exames de proficiência de inglês, clique aqui.

Preencha e receba novidades:

SEDE SÃO PAULO
Rua dos Pinheiros, 706 – Casa 6 – Pinheiros

(Metrô Fradique Coutinho)
Atendimento sendo realizado apenas via e-mail, telefone e redes sociais.

contatosp@abracocultural.com.br 
(11) 98300-7321 (Horário comercial)

SEDE RIO DE JANEIRO
Rua Conde de Bonfim, 488, 3º andar, Tijuca (Perto do Metrô Saens Peña)
Atendimento sendo realizado apenas via e-mail, telefone e redes sociais.


contatorj@abracocultural.com.br

(21) 99825-9907
(no momento, entre 13h e 19h)

UNIDADE LARGO DO MACHADO RJ
Tv. Alm. Protógenes Guimarães, 42 – Catete
Atendimento sendo realizado apenas via e-mail, telefone e redes sociais.

contatorj@abracocultural.com.br 
(21) 99825-9907
(no momento, entre 13h e 19h)

Siga o Abraço nas redes sociais: